HISTÓRIA DOS PRODUTORES

LEONE DI VENEZIA

Itália, final do século XIX, a unificação do estado italiano e a industrialização do país causou uma crise na área da agricultura, a qual incentivou a migração de muitos italianos para o Brasil, deixando vilas inteiras vazias. Com pouca bagagem, mas carregando sua enorme paixão pelo vinho, a família Bianco instalou-se em uma das colônias de Caxias do Sul/RS.

Guerino Bianco, avô de Saul Bianco – fundador da Vinícola – acompanhou seus pais originários da cidade de Vicenza, Região do Veneto, na grande corrente migratória para o Brasil, onde manteve viva as tradições italianas, sendo uma delas a produção do seu próprio vinho. Com sua habilidade de trabalhar com madeira, iniciou a produção de pipas e barricas para armazenagem do vinho e, criou posteriormente, sua própria empresa, que teve continuidade garantida pela família e chegou a tornar-se a mais importante no mercado de recipientes para vinhos da Região Colonial Italiana do Rio Grande do Sul.

Dessa forma, a vida da família Bianco, sempre teve uma forte ligação com a vitivinicultura, o que levou Saul Bianco a fazer a faculdade de agronomia, com o objetivo de montar sua cantina. Entretanto, antes mesmo de formado, foi convidado a trabalhar em uma grande multinacional com atividade na área agrícola, onde atuou por 32 anos. Agora aposentado, decidiu retomar o velho e grande sonho de produzir vinhos. Morou um ano na Itália, juntamente com a esposa Alcinita, onde fez um curso de enologia no Centro Regional para a Viticultura e Enologia, em Conegliano Veneto (Treviso).

Há muitos anos morando em Florianópolis e com a recente descoberta das excepcionais condições para a produção de uvas viníferas na Serra Catarinense, foi natural a escolha da região para a implantação dos vinhedos e cantina.

A escolha do nome  – Leone di Venezia – (o símbolo de Veneza, capital do Veneto), esta ligada a origem e  história da família Bianco  e da estada do fundador no Veneto.

Instalada em uma área de 15 hectares no município de São Joaquim/SC, numa altitude média de 1280 metros, a Vinícola está  integrada a paisagem do  Morro Agudo e do Rio Antonina (cuja água abastece a cidade de São Joaquim). Em 2008 iniciaram os trabalhos de infraestrutura e o plantio das primeiras parreiras.

Os vinhedos somam cinco hectares, na sua quase totalidade plantados com variedades italianas, como as  tintas  Sangiovese, Montepulciano,  Refosco Dal Peduncolo Roso, Primitivo, e as brancas  Gewurstraminer e Garganega. Outras com objetivos específicos como as variedades Rondinela, Corvina e Molinara, para a produção de um vinho com uvas apassitadas, no estilo Amarone della Valpolicela. Outras ainda em níveis experimentais como a Aglianico , Nero D’avola, Lagrein, Grechetto e Vermentino. Nos próximos dois anos, todas as variedades escolhidas estarão produzindo em sua plenitude.

PRODUTOS

GEWURZTRAMINER

Teor Alcoólico: 13,4%

Apresenta cor amarelo palha com delicados reflexos dourados. As condições climáticas da altitude (1280m) e o diferencial térmico entre o dia e a noite, permitem que seus aromas se revelem exuberantes, onde se destacam lichia, pétalas de rosa, peras brancas e mel. Na boca apresenta-se aveludado, elegante e fresco com a persistência destacada dos aromas. Um final longo e frutado encerra com nuances de amêndoas.

*Imagem meramente ilustrativa

GARGANEGA

Teor Alcoólico: 13%

Apresenta cor amarelo dourado. Aromas elegantes onde se destacam damasco seco, erva doce, cítricos, abacaxi e baunilha. Na boca, boa estrutura e equilíbrio, com notas de especiarias e baunilha. Pimenta branca revelando a sua passagem de três meses pelo carvalho junto as leveduras. Seu frescor e acidez ampliam sua aptidão gastronômica.

SANGIOVESE

Teor Alcoólico: 13,4%

Apresenta coloração rubi, com aromas intensos de frutas vermelhas, baunilha e chocolate. Na boca, mostra de forma delicada a sua passagem pelo carvalho, de corpo médio e muito elegante. Taninos ainda vivos, mas maduros tornando o final de boca longo e harmonioso.

MONTEPULCIANO

Teor Alcoólico: 14%

As uvas colhidas super maduras permitem o desenvolvimento de um leque de aromas complexos destacando frutas em calda, ameixa seca, trufas e especiarias. Na boca revela ótima estrutura e corpo com evolução dos sabores terciários evidenciando azeitona preta, baunilha, notas balsâmicas e chocolate amargo, alcançadas na passagem em barrica de carvalho francês, durante 18 meses. Final de boca com especiarias e taninos macios.

PRODUTOS  SUJEITO DISPONIBILIDADE DE ESTOQUE

Conheça também as histórias e características de nossos demais produtos:

Conheça também as histórias e características de nossos demais produtos:

CONTATO

Entre em contato conosco através do formulário abaixo:

9 + 3 =

(19) 3201.9211   |   (19) 99806.9211   |   Av. dos Imigrantes, 161, Vinhedo-SP

(19) 3201.9211   |   (19) 99806.9211
Av. dos Imigrantes, 161, Vinhedo-SP

Todos os Direitos Reservados @ Queijos, Vinhos & Afins. 
Desenvolvido por Agência Kiwee

Todos os Direitos Reservados @ Queijos, Vinhos & Afins.
Desenvolvido por Agência Kiwee